quinta-feira, 17 de abril de 2008

Religiosidade

Plano de trabalho - Tema: Anjo-da-Guarda

Objetivo: Refletir sobre o que é o anjo-da-guarda, como ele atua e como/quando podemos contar com ele.
Idade sugerida: 3 a 6 anos

Parte 1 - Prática
Plantar um feijão, no algodão, num copinho plástico de café.
Cada criança levará para casa um copinho onde colocaria algodão, um feijãozinho e um pouquinho de água. Depois, com a participação da mãe, cada criança regaria a sementinha durante toda a semana, até a próxima aula.
Pedir para que a criança traga um de seus brinquedos, além do feijãozinho, na próxima semana.

Parte 2: Diálogo
Ao chegar, conversaríamos sobre como é cuidar de uma sementinha. Dá trabalho? Foi bom?
E assim, enquanto o feijãozinho brota, estaríamos conversando com as crianças sobre a criação, o surgimento da vida, a proteção necessária para que a vida se estabeleça. Falaríamos, então, sobre nossa proteção, faríamos analogias, utilizando exemplos concretos para a criança começar a entender: O que é proteger? Como se protege uma plantinha? Como se protege uma criança pequena? A criança pequena protege alguém? Se "não", por que "não"? Quais as qualidades que precisa ter "o que" ou "quem protege"? Deus nos protege? De que formas? Se nossos pais nos protegem, quem protege hoje nossos pais? Contamos com algum tipo de proteção e ajuda em nosso progresso, enquanto estamos aqui na Terra? Quem seriam estes seres que nos ajudam e protegem? (A hipótese dos anjos surgiria, então, vinda dos alunos, e nós poderíamos verificar o que é plausível e o que não é, na idéia tradicional do anjo-da-guarda.)

Parte 3: Troca dos brinquedos
Colocar todos os brinquedos no centro do círculo, misturar e redistribuir de modo que ninguém fique com o seu próprio. Vamos brincar agora de ser anjos-da-guarda dos brinquedos dos nossos amigos! O que precisamos ser para ser bons anjos da guarda? Vamos experimentar? Observar as reações das crianças e fazer a experiência por alguns minutos, estabelecendo tarefas para o anjo como "apresentar ao seu brinquedo protegido uma árvore", "ser carinhoso com ele", "ensiná-lo a ser bom e amigo", etc. No final, cada anjo irá entregar o brinquedo de volta ao seu dono.


Parte 4: Interiorização
Agora que já temos algumas idéias sobre o anjo-da-guarda, vamos fechar os olhos e, ao som de uma música, buscar sentir o nosso perto de nós. Há algo que gostaríamos de dizer ou perguntar a ele? Isto pode ser feito, em pensamento.

Parte 5: Registro
Pedir que façam um desenho representando o que imaginaram enquanto estavam de olhos fechados. Conclua a atividade escrevendo uma frase da criança sobre seu desenho!

NÃO ESQUEÇA DE COMENTAR!

.